Sobre o Festival

O festival Doutro Lado é o primeiro focado em cinema periférico realizado na cidade de Betim, região metropolitana de Belo Horizonte e traz a temática “Cinema e Cultura periféricos” para o centro da discussão como uma forma de apresentar os cineastas e realizadores da periferia, além de estimular o consumo de arte por quem mora nelas. O Do Outro Lado surgiu da necessidade de ampliar a visibilidade e valorização do trabalho de muitos artistas e incentivar o intercâmbio cultural entre as periferias do Brasil.

O nome “Doutro lado” enfatiza que existem muitas excelentes produções fora dos grandes centros, em outra lógica de funcionamento, em outro lugar normalmente invisibilizados, mas potentes em seus trabalhos.

Em meio a sua primeira edição o Festival já demonstra a potência do audiovisual periférico exibindo 11 produções audiovisuais que contam histórias dos diferentes Brasis existentes nas 5 regiões do país.

Confira a lista dos escolhidos:

  • Forrando a Vastidão, dirigido por Higor de Paula Gomes 
  • Donas da Bola, dirigido por  Paulo Maurício Carvalho  
  • Abdução, dirigido por Marcelo Lin
  • Trindade, dirigido por Rodrigo R. Meireles
  • Maria, dirigido por Ana V. Rabelo
  • O Sonho do Inútil, dirigido por José Marques de Carvalho Jr
  • De que lado que tu samba? O rufar do Mestre Batata, dirigido por Rafael Vebber 
  • Mihe’aka Voxené: Simoné Veyopé Ûti! (Abre Caminho: nossas câmeras chegaram!), dirigido por Raylson Chaves
  • Amador, Zélia, dirigido por Ismael Machado e Glauco Melo
  • Mato Escravo, dirigido por  Salles Fernandes
  • É a minha voz que você tem que ouvir / it’s my voice you have to hear, dirigido por  Juan da Silva e Márcio Paixão

Aqui, na nossa plataforma, você encontra  além das produções cinematográficas de artistas das diferentes regiões do país, um podcast com episódios que debatem a arte e cultura nas periferias. 

Vem conosco você também! Vem ser Doutro Lado !